quinta-feira, 12 de maio de 2011

Águas de Joinville lança Projeto Óleo e Água não se misturam

Programa contará com palestras educativas, postos de coletas de óleo para reciclagem e geração de crédito serão destinados aos catadores em forma de cestas básicas

Companhia Águas de Joinville e Prefeitura lançam o “Projeto Óleo e Água Não se Misturam” nesta sexta-feira (13/05), às 10 horas, no Teatro Juarez Machado. O projeto visa alertar a população para os prejuízos causados pelo despejo incorreto de óleo e gordura nas tubulações de esgoto e conscientizar sobre a coleta desse tipo de resíduo. O evento deverá contar com a participação de estudantes, professores, profissionais de saúde e empresas envolvidas em soluções ambientais.

Água e óleo não se misturam, fato que ocorre pelas suas diferentes características. Quando ambos elementos percorrem as tubulações, a gordura, reagindo com outras substâncias, se solidifica e não se dissolve na água, provocando entupimentos nas redes, vazamentos e mau cheiro. Pensando nisso, o Núcleo de Planejamento e Gestão Ambiental (NPGA) da Companhia Águas de Joinville lançou o Projeto Óleo e Água não se Misturam para conscientizar a população dos malefícios que a gordura causa nas tubulações e no meio ambiente.

Em média, 40% das reclamações de mau funcionamento da rede coletora de esgoto estão ligadas ao alto nível de gordura solidificada nas tubulações. Com a ampliação da rede coletora de esgoto, o problema poderá se agravar, caso a população não mude seu comportamento. Jogar óleo da fritura, ou qualquer outra forma de gordura no ralo compromete as tubulações e pode mesmo fazer o esgoto voltar para as residências das pessoas ou escorrer pelos pontos de inspeção nas ruas e calçadas, além de degradar rios e o meio ambiente.

Para ajudar a mudar o hábito de descartar óleo pelo ralo da pia, e também por outras saídas sanitárias, a Companhia Águas de Joinville entregará 50 mil funis que serão utilizados pelas famílias para coletar o óleo utilizado em frituras. Além da distribuição de funis, as equipes de educação ambiental envolvidas no “Projeto Óleo e Água Não se Misturam” ministrarão palestras de conscientização ambiental nas escolas e comunidades. Também foram criados eco-pontos identificados por bombonas coletoras de garrafa pet (onde cada um deverá acondicionar seu óleo de fritura). A Companhia também firmou parceria para que o serviço de coleta seletiva do município recolha as garrafas com óleo. Para isso, basta deixar a garrafa pet contendo óleo ao lado do lixo reciclável a ser recolhido.

O “Projeto Óleo e Água não se Misturam” é uma realização do Núcleo de Planejamento e Gestão Ambiental da Companhia Águas de Joinville e da Prefeitura de Joinville e conta com o apoio da Eco-biosul, Fundema, Ambiental e Caixa Econômica Federal.


Projeto também tem apelo social
O óleo recolhido pelo programa, seja através da coleta seletiva ou através dos eco-pontos, será transformado em créditos para compra de cestas básicas ou materiais de trabalho, que serão entregues para a associação de catadores e recicladores do município. Desde Semana da Água (21 a 25 de março), o óleo começou a ser recolhido. Nos primeiros 50 dias de projeto, foram coletados quase 2,4 mil litros de óleo que geraram créditos para 15 cestas básicas.

 O quê: Lançamento do PROJETO ÓLEO E ÁGUA NÃO SE MISTURAM
 Quando: 13/05/20111 (sexta-feira)                                                               
 Horários: 10 horas                                                                                        
 Onde: Teatro Juarez Machado – Anexo ao Centreventos Cau Hansen            
           Av. José Vieira, 315 - América                                                            







2 comentários:

DuDa disse...

Bom dia,
Sou aluna da UFSC joinville e estamos realizando uma atividade para a matéria de biosfera e sustentabilidade da 3º fase que aborda um tema parecido ao projeto óleo e água não se misturam. Eu e meu grupo iremos falar sobre o descarte correto do óleo de cozinha e sobre o descarte incorreto, informando as conseqüências de despejar óleo na pia. Achei que os projetos são semelhantes, então gostaria de saber se podemos ajudar neste projeto, só na UFSC joinville tem cerca de 800 alunos, onde grande parte mora sozinho, a instrução do que fazer com o óleo será de grande contribuição.

Obrigada e espero contato.

DuDa disse...

Desculpa não informei meu e-mail no comentário anterior,
dudafchame@grad.ufsc.br

obrigada.